InícioBem-EstarPílula Anticoncepcional – Quais são as melhores, efeitos colaterais, preço e informações...

Pílula Anticoncepcional – Quais são as melhores, efeitos colaterais, preço e informações importantes 

Remédio a base de hormônios e que deve ser usado todo os dias tem 98% de eficácia comprovada contra a gravidez que não se deseja.

Existem vários tipos de anticoncepcionais que podem ser passados por ginecologistas. Dependendo do profissional ele pode passar Diane 35, Yasmin, Cerazette entre outros milhares de tipos que o mercado tem. 

O que acontece com o uso do anticoncepcional é a regulação da menstruação principalmente. O anticoncepcional também pode ser utilizado no controle da acne, para reduzir cólicas menstruais e com muita surpresa o risco de anemia. Tenho certeza que esse você não sabia, não é?

Mas isso acontece porque se perde muito sangue na menstruação e por isso o anticoncepcional entra como controlador da anemia nesse período.

Mas para quem usa com muita frequência pode sentir enjoos, dor de cabeça, retenção de líquidos principalmente nos primeiros momentos de uso.

mulher-morena-segurando-comprimidos

Quais são as melhores pílulas anticoncepcionais?

Diante dos que citamos acima temos que os mais bem cotados e com menores efeitos colaterais são: Diane 35, Elani ciclo, Yasmin, Yaz, Selene, Siblima, Diminut, Mercilon, Tâmisa, Cerazette, Allestra 20 ou 30 ambos comprimidos.

Mas existem também outros métodos contraceptivos injetáveis. Outro que também está muito bem cotado no mercado é o Diclin.

Citamos 12 acima para que você veja qual destes seu médico pode ter receitado. Mas se o seu não está na lista isto não quer dizer que o seu método é menos eficaz. 

A composição dos anticoncepcionais são em geral hormônios sintéticos parecidos com os naturais produzidos pelos ovários.

O que vai variar nesses tipos é o laboratório e o preço, por isso é importante que você consulte um profissional de ginecologia para lhe passar a medicação correta.

Efeitos Colaterais dos anticoncepcionais

Dentre os efeitos colaterais as dores de cabeça e náusea são muito faladas em termos de anticoncepcionais, mas lógico, cada caso é um caso.

Dores abdominais também são comuns com o uso contínuo do medicamento devido a grandes alterações hormonais.

Outra coisa que também acontece é a alteração do fluxo menstrual. É comum diminuir o fluxo e a duração do sangramento. O que se pode fazer nesse caso é tomar uma pílula com dosagem mais alta em caso de sangramento de escape.

Outro ponto importante e que nenhuma mulher quer é o aumento de peso. O que acontece é que com o uso constante da pílula aumenta também a vontade de comer. E comendo mais, se engorda.

Como você pode ver não é a pílula que engorda, mas um de seus efeitos colaterais de dar fome. Uma coisa deve ser dita: algumas pílulas podem causar retenção de líquidos e por isso engordarem pelo acúmulo de sódio e potássio nos tecidos do corpo.

Entretanto nada que uma dieta saudável, rica em alimentos funcionais não possa resolver junto com a prática de exercícios físicos.

Em todos os casos a busca por um profissional é essencial. 

Há também o possível surgimento de espinhas por aquelas que usam o anticoncepcional mini pílula. Mas isso tende a ocorrer nos primeiros meses de utilização.

Outra coisa que não podemos desconsiderar em termos de efeitos colaterais dos anticoncepcionais são as alterações de humor. Como é uma elevada dose hormonal, tendemos a sentir mudanças no humor com o uso prolongado.

Nesses casos você pode optar por outros métodos contraceptivos como o DIU, por exemplo.

Há que se falar também em diminuição da libido e o aumento do risco de trombose. Em todo caso procure um ginecologista para averiguar qual é o seu caso e como deve atuar.

*Dados Tua Saúde.

Preço dos anticoncepcionais

Os preços variam de drogaria para drogaria mais ficam em torno de 30 a 150 reais dependendo do caso.

O que vai influenciar no preço é o laboratório e a drogaria onde você vai comprar.

mão-segurando-remédio-anticoncepcional

Informações importantes

Você sabe como usar a pílula anticoncepcional?

Nós temos dois tipos de pílula:

  • De uso normal: é aquela em que você toma 1 pílula por dia no mesmíssimo horário e até o final da cartela. Depois deste período você faz uma pausa de 4 a 7 dias a depender da bula do medicamento e da orientação do seu médico.
  • De uso contínuo: usar 1 pílula por dia sempre nos mesmo horário e todos os dias. Nesse caso não há pausa entre cartelas

Será que a pílula é abortiva?

Não. Mas segundo o site Tua Saúde, quando ela é usada frequentemente pode trazer danos se você estiver grávida.

Vantagens do uso da pílula anticoncepcional:

  • Eficaz para o seu propósito quando usada direitinho;
  • Fácil de se usar;
  • Você não interrompe a sua vida sexual;
  • Podem diminuir a dor nas menstruações;
  • Algumas tem efeito positivo com relação à acne;
  • Pode ser tomada durante muito tempo.

As pílulas são todas iguais?

Não. Há muitos tipos no mercado de anticoncepcionais, mas o seu funcionamento em geral é o mesmo e você pode usá-la com prescrição de um médico ginecologista.

Veja agora os 7 erros mais comuns de quem usa anticoncepcional:


1. Tomar pílula sem recomendação médica: este erro é fatal, porque como nós vimos as pílulas são boas, mas possuem efeitos colaterais que vão depender do seu tipo de organismo;

2. Não respeitar os horários de toma-la: sempre no mesmo horário e todos os dias é que você deve tomar a pílula;

3. Esquecer de tomar o comprimido: o comprimido deve ser tomado todos os dias caso contrário você não terá a eficácia desejada;

4. Associar o método com a pílula do dia seguinte: uma coisa é a pílula do dia seguinte que deve ser tomada em caso de precaução e de uma só vez, outra coisa é o anticoncepcional que deve ser tomado todos os dias.

5. Abandonar outros métodos de proteção: a pílula anticoncepcional é eficaz em 98% dos casos, mas não podemos esquecer que uma ajudinha a mais sempre deve ser bem-vinda em termos de evitar gravidez indesejada e doenças sexualmente transmissíveis. 

6. Emendar a cartela sem orientação: para usar o anticoncepcional tem que se ter orientação médica.

7. Não prestar atenção ao prazo de validade do anticoncepcional: esse erro também é fatal. Fora do prazo de validade o anticoncepcional não tem valia.

Se você vomitar em até duas horas depois de ingerido o remédio, é a mesma coisa que não tivesse ingerido, ou seja, é preciso tomar outra vez.

Muitos são os cuidados com os anticoncepcionais, mas eles ainda são uma opção segura para se prevenir gravidez indesejada. Em casos de doenças sexualmente transmissíveis você vai mesmo precisar do uso da camisinha.

Esta ainda é a mais recomendável dentre muitos outros métodos para se prevenir doenças de cunho sexual.

Se você não sabe o que fazer com relação ao uso ou não do anticoncepcional pergunte a um especialista que possa tirar todas as suas dúvidas. Em termos de preço e qualidade somos imparciais, uma vez que vai depender do médico em questão para poder prescrever o que vai funcionar melhor para você.

Nunca foque nos efeitos colaterais do remédio, pois todos os medicamentos contraceptivos possuem efeitos colaterais. Sempre foque no objetivo principal. 

Com uma alimentação balanceada e o uso correto dos anticoncepcionais você vai conseguir seus objetivos de se livrar de uma possível gravidez fora de hora. 

Artigos Relacionados

Mais populares